top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Por logística, Slipknot pode focar em singles ao invés de discos



Recentemente, M. Shawn “Clown” Crahan, percussionista e um dos líderes do Slipknot, deixou claro que, no momento, a banda tem uma preferência pelos singles ao invés de lançar álbuns completos, especialmente agora que não existem mais obrigações contratuais com a gravadora Roadrunner.



Segundo o site Tenho Mais Discos Que Amigos, Um dos principais motivos para tal decisão foi explicado pelo baixista Alessandro “VMan” Venturella em uma entrevista recente. Ele contou que fazer discos ao lado de outros nove caras é um “pé no saco” e que os singles são uma alternativa viável por conta da logística (via MetalInjection):

Agora que não estamos mais com uma gravadora, podemos fazer o que quisermos e não estamos presos por certos aspectos. Estamos em um mundo agora onde pegar e tentar juntar todo mundo para gravar um disco completo, e a logística de juntar nove caras em um lugar como Los Angeles ou algo assim para gravar um disco, é uma missão enorme, especialmente no clima atual e como estão todas as coisas. Por outro lado, se nós tirarmos nosso tempo e fizermos as coisas do jeito que queremos, podemos lançar um single.

Apesar disso, o baixista disse que o grupo liderado por Corey Taylor não está focado exclusivamente em produzir singles daqui para frente:

Álbuns ainda são um projeto, e ainda queremos fazer álbuns. Mas acho que é mais, tipo, ‘Ei, os tempos estão mudando’. Podemos dizer, ‘Ei, pessoal, aqui está um novo single.’ Você pode ter um single. E não tipo, quatro anos depois, aí vem um álbum. Podemos ser um pouco mais livres para fazermos o que quisermos.


Slipknot lançará em vinil show de turnê com formação clássica


Em 18 de Agosto, o Slipknot vai liberar a versão em vinil do disco ao vivo Live at MSG, disponibilizado originalmente como um material bônus da edição do 10º aniversário de All Hope Is Gone (2008) e que teve sua formação clássica no palco, com Paul Gray e Joey Jordison.


Neste ano, o álbum completa 15 anos e o vinil, colorido, chega para comemorar a data, contando com quatro lados e até uma nova arte do percussionista Shawn “Clown” Crahan.







0 comentário
bottom of page