top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Marilyn Manson recebe sentença e multa por ter cuspido em fotógrafa em 2019


Marilyn Manson. Créditos: Reprodução/YouTube


Marilyn Manson recebeu o valor da multa e a sentença por ter cuspido e escarrado em uma fotógrafa durante um show em 2019.


Segundo o site Wikimetal, Manson recebeu um mandado de prisão em 2021 por ter supostamente cuspido na fotógrafa Susan Fountain enquanto ela trabalhava no pit em um show em New Hampshire, em 2019, e depois escarrado em seus braços.


Inicialmente, o cantor se declarou “não culpado” e a defesa alegou que a fotógrafa teria “consentido” em se expôr a qualquer “contato acidental” com fluídos corporais de Manson, já que “as performances do réu pelos últimos vinte anos são conhecidas por incluir travessuras sugestivas similares a estas que ocorreram aqui”.





Em julho, Marilyn Manson aceitou o pedido de não contestação por acusação de contravenção, o que significa que ele não contestaria a acusação, mas também não admitiria a culpa. Na última segunda-feira, 18, o cantor compareceu ao tribunal para receber uma sentença de 20 horas de serviços comunitários e uma multa no valor de 1.200 dólares.


O vídeo completo da sentença de Manson foi divulgado pela rádio local WMUR, assim como imagens gravadas do momento em que o cantor cospe na fotógrafa Susan Fountain.









0 comentário

Comments


bottom of page