top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Judas Priest: Richie Faulkner fala sobre cirurgia no coração ''tudo poderia ter acabado naquele dia'


O guitarrista do Judas Priest, Richie Faulkner, mais uma vez se abriu sobre a cirurgia que salvou sua vida há mais de um ano e meio.


Em setembro de 2021, o músico de 43 anos sofreu uma dissecção aguda da aorta cardíaca durante uma apresentação no festival Louder Than Life, muito proximo do Rudd Heart and Lung Center – Jewish Hospital em Louisville, Kentucky. Foram necessárias aproximadamente 10 horas para completar a cirurgia realizada pela equipe de cirurgia cardiotorácica do hospital, liderada pelo Dr. Siddharth Pahwa e incluindo também os Drs. Brian Ganzel e Mark Slaughter.


Em uma nova entrevista com Ruben Mosqueda, do We Go To 11, Richie foi questionado sobre como tem estado sua saúde nos últimos meses, ele disse o seguinte:


“A saúde está ótima. Tive que voltar em agosto passado ao hospital e ser literalmente aberto novamente, e eles tiveram que consertar alguns problemas. Mas desde então, eu tenho estado bem, realmente. Eu caí em setembro de 2021, eu acho que foi isso. e eu estava de volta à estrada em março de 2022, Dáí fui para a faca novamente em agosto de 2022, e tivemos dois meses de folga e eu estava de volta à estrada novamente.”













“Algumas pessoas podem dizer que é um pouco cedo demais, mas a turnê e o disco, me refiro ao álbum novo que estamos escrevendo com o Judas Priest e ao disco do Elegant Weapons, além de tudo o que vem junto com isso como entrevistas e obras de arte e fotos e sessões de vídeo e outras coisas, tudo o que vem junto com isso, serve como um foco para mim. Você nunca sabe o que está por vir, então se você tem algo a dizer e outras coisas para fazer, faça.”










“no meu caso, tudo poderia ter acabado naquele dia. Então eu tive outra chance. Então, todas essas coisas servem como um foco e um motivador para fazer isso e fazer o melhor que puder e seguir em frente.”

Faulkner afirma que escolheu ficar ocupado enquanto se recuperava de seu revés de saúde, em vez de tirar um longo período de folga da estrada ou do estúdio :


“As pessoas têm reações diferentes a esse tipo de evento. Algumas pessoas escolhem ficar fora de ação por alguns anos. Mas não sei, tive sorte, realmente. Sou relativamente saudável. Não fumo. Não bebo muito, nada disso. Eu era relativamente jovem, então consegui me recuperar. E assim que pude, coloquei uma guitarra de volta em minhas mãos e comecei a tocar novamente. Liguei para a gerência e disse: ‘Quero voltar a trabalhar no disco e terminar o disco.’ Apenas serviu, como eu disse, como uma força motivadora para voltar à guitarra ou começar a criar ou lançar um disco ou o que quer que seja, apenas para seguir em frente.”











Confira a entrevista completa no canal do Youtube :


0 comentário

Comments


bottom of page