top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Johnny Rotten culpa Ramones por associação do Punk com “toda a bobagem de jaquetas de couro”



O tempo passa mas John Lydon, mais conhecido como Johnny Rotten e ex-vocalista do Sex Pistols, não deixa as polêmicas de lado.


Segundo o site Tenho Mais Discos Que Amigos, dessa vez, o artista, que no ano passado chegou a dizer que seus antigos companheiros não teriam carreira sem ele, culpou os lendários Ramones por “toda aquela bobagem de jaquetas de couro uniformizadas sem sentido” em entrevista ao The Sun.



Apesar de não ter se aprofundado em sua opinião, como mostrou a NME, Lydon claramente quis cutucar Joey Ramone e companhia, que costumavam vestir as tais jaquetas de couro; ao longo do processo geracional da cultura Punk nos anos 1970, o item passou a ser incorporado ao estilo de quem curte o gênero.


Será que a inveja falou mais alto? Você pode relembrar grandes hits das duas bandas ao final da matéria.

Johnny Rotten também alfinetou Patti Smith


Além disso, Lydon, que lançou recentemente um novo disco com o Public Image Ltd, afirmou que seria “errado” atribuir a Patti Smith o título de precursora do Punk. Para ele, o fato dela ter nascido nos EUA, assim como os Ramones, que se formaram em Nova York, é um impeditivo:


Ouvi muitos péssimos jornalistas americanos fingindo que toda a influência Punk veio de Nova York. Bem, alô? Bandas como Sweet, com ‘Ballroom Blitz,’ e Mud, com ‘Tiger Feet’ – é isso a parada, cara!


Ao tentar diminuir os méritos de Patti, Johnny citou outros artistas britânicos que, para ele, significam mais para a história do Punk, incluindo David Bowie, T. Rex, o já citado Sweet, The Clash, The Damned e, claro, o próprio Sex Pistols.


Tida como um dos nomes mais importantes do movimento dentro dos Estados Unidos, a artista responsável por hinos como “Because the Night” se tornou uma relevante voz do Punk principalmente após o lançamento de seu cultuado disco de estreia Horses (1975).






Foto de John Lydon via Shutterstock




0 comentário

Comments


bottom of page