top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Inteligência artificial coloca voz de Freddie Mercury em “Yesterday”, dos Beatles

Registro levou internautas a reflexões distintas, incluindo a aceitação da presença da tecnologia na vida de todos




Inteligência artificial está entre nós – e como temos visto nas últimas semanas, pessoas a usam cada vez mais para trazer suas fanfics musicais à vida. Seja material “inédito” de artistas separados, reconstruções de álbuns perdidos ou brincadeiras, tudo tem aparecido.


No caso da vez, vemos um exemplo de alguém recriando a voz de alguém falecido.

Como aponta a revista Classic Rock, o internauta Hassiel Casañas postou no YouTube um clipe de como seria Freddie Mercury cantando “Yesterday”, canção dos Beatles lançada em 1965.





Como sempre, a discussão nos comentários trouxe reflexões distintas. Por um lado, muitos fãs do artista em questão celebraram poder escutar sua voz em um novo contexto. Por outro, houve quem atestasse a necessidade de aceitação da presença de inteligência artificial a partir de agora, tal qual o comentário abaixo:


“Damas e cavalheiros, temos que aceitar essa nova realidade e abraçá-la, ao invés de lutar contra ela. A inteligência artificial está aqui para expandir nossas imaginações e precisamos usá-la de maneiras que beneficiem todo mundo.”

Enquanto isso, gravadoras estão mobilizando advogados para derrubar todas essas recriações, devido a violações de direitos autorais. Já vimos isso acontecer no episódio da música falsa de Drake e The Weeknd, além da recente possibilidade de processo levantada pela família de Renato Russo contra o responsável pela versão de “Batom de Cereja” cantada pelo falecido líder da Legião Urbana.





Confira abaixo a versão de “Yesterday” na voz de Freddie Mercury e tire a prova da qualidade da recriação.









0 comentário

Comments


bottom of page