top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Notas manuscritas por Freddie Mercury indicam outro título para “Bohemian Rhapsody”



Notas manuscritas pelo vocalista do Queen, Freddie Mercury, sugerem que o lendário cantor brincou em chamar o clássico hit da banda de “Mongolian Rhapsody” em vez de “Bohemian Rhapsody”.


A revelação vem quando muitos dos antigos bens de Mercury estão prestes a ir a leilão. Mary Austin, amiga e companheira de longa data de Freddie, decidiu vender vários dos itens que herdou do cantor do Queen. Entre eles estão as primeiras letras de “Bohemian Rhapsody”.




As notas foram rabiscadas à mão em um bloco de notas da British Midland Airways, uma companhia aérea que começou em 1964 e durou até sua aquisição pela British Airways em 2012. Mercury parece ter testado várias letras para sua ideia de música. Uma página apresenta uma variedade de frases, incluindo “fandango”, “Figaro”, “thunderbolts and lighting” e “belladonna”.


Ainda assim, é a palavra “Mongolian” riscada e substituída por “Bohemian” que chama a atenção das pessoas. O New York Times conversou com vários historiadores do Queen que nunca haviam ouvido falar do título alternativo. Eles também não ficaram surpresos.


Jim Jenkins, um dos biógrafos oficiais do Queen, admitiu que nunca tinha ouvido falar de “Mongolian Rhapsody”, mas acrescentou que Mercury “nunca gostou de explicar” suas letras ou títulos.




Lançada em 1975, “Bohemian Rhapsody” se tornaria uma das canções que definem o Queen, uma extensa faixa operística que continua sendo uma das mais famosas da história do rock.









0 comentário

ความคิดเห็น


2.png
bottom of page