top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

Metallica: Lars Ulrich responde qual o melhor e o pior álbum já gravou



Lars Ulrich ousa ao responder algumas perguntas sobre a discografia do Metallica para o site Classic Rock. O músico revela o que ele considera como os pólos opostos de sua jornada sonora e reponde quais foram o melhor e o pior álbum já gravou.


Para o baterista do Metallica, o disco Hardwired…To Self-Destruct, lançado em 2016, é o melhor álbum que já gravou. “É o disco com o qual tenho menos problemas e o que ainda soa mais representativo do meu estado de espírito atual”.



Ao responder sobre o pior álbum do Metallica, Lars Ulrich diz que não considera nenhum álbum da banda ruim e enfatiza que não vê nenhum disco do Metallica como um erro. Na percepção de Lars, o álbum Kill ‘Em All (1983) por ter sido gravado há muito tempo soa com muita energia juvenil. “Mas eu me sinto muito à vontade com o passado”, completa.


Metallica: uma das mais influentes e bem sucedidas bandas de todos os tempos O Metallica se consagrou como pioneiro do thrash metal e como uma das bandas participantes do Big 4. Formada em 1981, após James Hetfield responder a um anúncio. A banda construiu seu legado com o lançamento de seus quatro primeiros álbuns.


A banda conquistou popularidade com o álbum Master Of Puppets (1986), considerado por muitos críticos como um dos mais influentes e pesados do thrash metal. O enorme sucesso comercial veio com o Black Album (1991), alcançando a marca de 40 milhões de cópias vendidas.

A banda liderada por Lars Ulrich e James tornou-se uma das bandas mais influentes e bem sucedidas de todos os tempos. Em mais de quatro décadas de carreira, Metallica já lançou treze álbuns de estúdio, nove premiações no Grammy Awards e entrou para o Rock and Roll of Fame em 2009.





0 comentário

Comentários


bottom of page