top of page
  • Foto do escritorLuan Radney

blink-182 tem metade da média de público do Guns N’ Roses em shows de reunião



A aguardada turnê de reunião do blink-182 teve início em Maio e já é considerada um dos destaques entre as turnês mundiais de Rock de 2023. No entanto, números mostram que o trio ainda está bem atrás do Guns N’ Roses e reforçam o abismo de diferença entre o alcance das lendas do Rock clássico e os ídolos do Pop Punk.


Segundo o site Tenho Mais Discos Que Amigos, a banda formada por Tom DeLonge, Mark Hoppus e Travis Barker teve uma média de 15.855 pessoas em cada um de seus nove shows feitos entre Março e Junho deste ano, segundo os dados compartilhados pela newsletter Stream n’ Destroy.





Já a banda de Axl Rose teve cerca de 31.746 pessoas em cada um dos oito shows realizados por eles no período citado. Ou seja, de acordo com a análise, a quantidade de público registrada nos shows é praticamente metade da média de pessoas presentes nos shows do Guns N’ Roses.


Os dados mostram que a banda que possui o maior público das turnês de Rock em 2023 até então é o Red Hot Chili Peppers, que aparece no ranking com uma média de 38.873 pessoas em cada um dos 19 shows realizados pela banda entre Março e Junho.

Turnê de Reunião do blink-182


O blink-182 ainda tem uma longa jornada pela frente com sua turnê mundial, que tem datas agendadas até 2024.


No ano que vem, o grupo está previsto para fazer, finalmente, sua estreia no Brasil. A banda ia se apresentar no Lollapalooza deste ano, mas precisou cancelar sua performance pois o baterista Travis Barker sofreu uma lesão no início de Fevereiro e teve que passar por uma cirurgia pouco antes do show.



Ao que tudo indica, o blink deve vir como uma das atrações principais do evento que acontece em São Paulo nos dias 22, 23 e 24 de Março.


Alguns fãs, aliás, ficaram preocupados com o anúncio de uma gravidez por parte de Kourtney Kardashian, esposa de Barker, que não há qualquer motivo para essa questão impedir a vinda da banda.

Turnê do Guns N’ Roses


Já o Guns N’ Roses, que reuniu sua formação original há alguns anos e já veio ao Brasil inúmeras vezes, ainda não tem previsão de voltar ao país depois de fazer sua maior turnê da carreira por aqui em 2022.












0 comentário
bottom of page